Mulher trans é assassinada a tiros durante velório do companheiro dela em Joinville

Uma mulher trans foi assassinada a tiros enquanto estava no velório do companheiro em Joinville, no Norte catarinense. Ela chegou a ser socorrida, mas não resistiu aos ferimentos, informou o delegado Rafaello Ross. O companheiro dela havia sido morto também a tiros um dia antes.

O assassinato da mulher, Sabrina Martins, ocorreu na noite de sexta-feira (6). O velório do companheiro dela ocorria na capela mortuária São Sebastião, no bairro Iririú. Conforme o delegado, dois homens entraram no local por volta das 22h e atiraram cerca de 10 vezes contra a mulher. A Polícia Militar informou que os criminosos fugiram a pé. Eles não foram encontrados.

A mulher foi levada para o Hospital Municipal São José, em Joinville, pela ambulância da PM. Ela morreu após dar entrada na unidade.

Um dia antes, por volta das 23h de quinta (5), o companheiro foi morto com vários tiros de pistola na cabeça no bairro Aventureiro, em Joinville. Ele tinha 23 anos.

De acordo com o delegado, as suspeitas iniciais apontam que os homicídios ocorreram por causa de desentendimentos relacionados ao tráfico de drogas. A PM afirmou que a mulher tinha antecedentes criminais por tráfico e que foi alvo de outras tentativas de homicídio.

Os dois homens que invadiram o velório não haviam sido identificados até 15h20 deste sábado (7). As investigações ficarão sob responsabilidade da Delegacia de Homicídios de Joinville.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *